IMPEDIDO, DE NOVO

Mal esquentou a cadeira de prefeito de Búzios e André Granado (MDB), pela enésima vez, foi afastado do cargo novamente. André apontou o juiz da Comarca, Dr Raphael Baddini, de ser o responsável pelo seu afastamento, via mensagem no WhatsApp, por volta das 17h. Ou seja, uma semana depois de assumir após ganhar liminar do TJ. Dessa vez, o afastamento foi por causa de uma suposta fraude em Boletim Oficial de 2013, para privilegiar empresas em processos de licitação. 

 

NA MENSAGEM

O próprio André fez o anúncio para amigos e rapidamente a mensagem se espalhou. Veja na íntegra: "Conforme já havia anunciado antecipadamente, o que iria acontecer, o juiz da 2ª Vara Raphael Baddini acaba de me afastar do cargo mais uma vez demonstrando toda a sua parcialidade e pessoalidade, lamento muito por isto, pois gera prejuízos incalculáveis para a cidade e para a população, mas confiamos na justiça e acreditamos que em breve retornaremos para dar continuidade ao projeto, que tem sido violentado por atitudes de quem utiliza de sua função para perseguir! Búzios é maior, e irá vencer toda esta maldade", disse Granado através do aplicativo.

 

 

 

NOTIFICADOS

O vice-prefeito da cidade Henrique Gomes (DEM), já foi notificado assim como Granado. Tudo muito rápido.  André teria sido afastado do cargo para não atrapalhar as investigações. De acordo com informações de pessoas próximas a Henrique, essa noite mesmo ele se dirigiu para a sede do executivo a fim de novamente assumir as funções de prefeito. Nesta sexta, HG deve exonerar todos os secretários nomeador por André para empossar os seus. O clima de instabilidade política é alvo de chacota e descrédito. Memes sobram e a população se divide em opiniões. Enquanto uns manifestam revolta, outros preferem se manter em silêncio por medo de retaliação em meio a tantas idas e vindas.

Categoria:Buzios News

Deixe seu Comentário